Arquivo de outubro, 2009

A5070001

O esportivo Audi A5 Coupé ganhou o prêmio de Design Award 2010, o mais prestigioso da República Federal da Alemanha. Esta é a quarta vez que um modelo Audi é agraciado.

O Audi A5 tem motor 3.2 FSI de 269 cv e a aceleração de 0 a 100 km/hora com caixa de câmbio automática acontece em 6,5 segundos. A velocidade máxima é limitada em 250 km/hora e este desempenho contrasta com o consumo moderado de gasolina – 8 km/litro em percurso urbano e 15,15 km/litro em percurso extraurbano.

O interior do Audi A5 chama a atenção. Os instrumentos e console central formam uma unidade e o painel de instrumentos, com mostradores do velocímetro e conta-giros em forma de gota, tem características do estilo Audi.

Novo Fox Prime_I Motion_0070

A Volkswagen anunciou, no lançamento do novo Fox, em Brasília, que vai oferecer toda a assistência técnica para os proprietários dos modelos Gol e Voyage, que apresentaram um problema misterioso no motor 1.0 flex EA-111. O presidente da montadora, Thomas Schmall, informou que a equipe de engenharia detectou a situação, causada pela mudança das especificações do óleo lubrificante usado pela VW nos modelos Gol e Voyage. Essa mudança, solicitada pela própria montadora, causou uma perda das propriedades do óleo lubrificante, provocando ruídos excessivos e até interrupção do motor 1.0 flex, que equipa os modelos Gol, Voyage e, também, o Fox.

Thomas Schmall adiantou que a Volkswagen do Brasil vai voltar a utilizar o óleo lubrificante dentro das especificações indicadas pelo fornecedor, a fim de solucionar o problema nos motores. Disse ainda que aumentou de três para quatro anos a garantia dos motores ofertados na gama de veículos da família Gol e Fox. “Esta é uma medida para mostrar a confiança nos nossos produtos. Iremos dar a garantia de 100% para todos os nossos clientes. Os consumidores irão ficar sem penalidade e prejuízos”, explicou.

A montadora Volkswagen tem conhecimento de pelo menos 400 casos, todos relacionados aos modelos Gol, Voyage e alguns Fox equipados com motor 1.0 flex. Porém, há indicações de que outros veículos equipados com o propulsor 1.6 flex também apresentaram falhas e ruídos no funcionamento.

Segundo José Loureiro, diretor de engenharia da Volkswagen do Brasil, não há indicação de recall dos motores, já que o problema não causa nenhum tipo de risco de segurança para os proprietários. “O que ocorreu é que a ação do álcool em contato com o óleo lubrificante provoca a perda da lubrificação de componentes do motor, causando o excesso de ruídos e possíveis falhas. Temos conhecimento de cerca de 400 veículos. Isso representa um em cada mil veículos produzidos”, diz Loureiro.

Novo Fox

No meio deste problema envolvendo os veículos equipados com o motor 1.0 flex EA-111, a Volkswagen fez a apresentação da segunda geração do compacto Fox, que chega com visual mais esportivo e uma série de melhoramentos no acabamento interno. O modelo começa a ser vendido na segunda quinzena de novembro nas versões Fox 1.0 Flex, duas e quatro portas, Fox 1.6, nas configurações i-Motion, Prime e Prime I-Motion.

O preço do novo Fox 1.0 flex não foi alterado. Sai por R$ 29.990, na configuração duas portas, e R$ 31.830, na carroceria de quatro portas. A grande novidade é a oferta da transmissão automatizada ASG no modelo equipado com motor 1.6 flex, que será ofertado por R$ 39.400. Agora, a segunda geração do compacto da VW está disponível nas versões 1.0, com duas e quatro portas, 1.6 (quatro portas) e Prime (quatro portas).

RH_04930
Leia o comunicado oficial:

VOLKSWAGEN ESCLARECE OCORRÊNCIAS COM MOTOR 1.0L

Com o objetivo de esclarecer os casos de ruídos internos em alguns motores 1.0l, a Volkswagen do Brasil informa que, após as análises realizadas, identificou como causa a deficiência na lubrificação do motor.

A ocorrência é provocada, em determinadas situações, pela perda das propriedades de lubrificação do óleo, em função da ação do álcool combustível no tipo de óleo utilizado. A empresa deixa claro que o fabricante do lubrificante fornece o produto de acordo com as especificações da Volkswagen.

Esse fato foi gerado pela alteração, determinada pela própria fábrica, da especificação do óleo para o primeiro abastecimento, visando melhorias no motor VHT, introduzido em abril de 2008.

Para solucionar essas ocorrências, a Volkswagen voltará a utilizar a especificação anterior do óleo lubrificante, visando garantir a perfeita lubrificação do motor.

Adicionalmente, para assegurar a satisfação dos clientes, a empresa estenderá o prazo de garantia dos motores VHT 1.0l, produzidos desde abril de 2008, de 3 para 4 anos, como prova da confiança na segurança, qualidade e durabilidade de seus produtos.

A Volkswagen do Brasil trabalha intensamente para assegurar a satisfação de seus clientes e conta com a maior rede de concessionários do país, com mais de 600 pontos de atendimento, pronta para prestar o melhor serviço aos usuários da marca.

Volkswagen do Brasil
Assuntos Corporativos e Relações com a Imprensa

Fenatran 2009 e suas novidades

Publicado: 27 de outubro de 2009 em Automotivo, Caminhões
Tags:

man

O 17º Salão Internacional do Transporte, a Fenatran 2009, reúne os brutamontes do setor de caminhões e ônibus do Brasil. Considerada a maior feira do gênero da América Latina, a Fenatran traz inúmeras novidades, mostrando que o reflexo da crise financeira mundial já passou.

A maior novidade é a apresentação dos caminhões pesados da alemã MAN. No estande, o visitante pode conferir os modelos TGS e TGX. O TGS conta com versões de 18 a 41 toneladas de PBT (Peso Bruto Total) e tem aplicações como guindastes e betoneiras, além da adequação para cargas frigoríficas, bebidas, distribuição urbana e rodoviária, além da utilização fora-de-estrada para o transporte de madeira e cana-de-açúcar.

Já o TGX chegará ao País nas versões de 400 a 680 cavalos, para transporte pesado de longas distâncias

Para quem gosta de saber as novidades em primeira mão, veja um pouco do que está sendo apresentado até a próxima sexta-feira, no pavilhão de exposições do Anhembi, em São Paulo.

Hyundai – A terceira versão do HR, caminhão comercial leve, com rodado simples, que chega com a nomenclatura Low Deck Single.

Renault – O destaque é a nova linha do furgão Master, de inúmeras inúmeras aplicações, inclusive transporte de passageiros, com PBT (Peso Bruto Total) de até 3.500kg, do segmento de furgões.

Iveco – O Iveco Vertis, primeira família de produtos desenvolvida a partir do centro de desenvolvimento da empresa no Brasil, em Sete Lagoas. Equipado com motor Iveco-FPT de quatro cilindros e 3,9 litros, com potência de 160 e 180cv.

Volvo – A estrela é o FH16 700, classificado como “cavalo mecânico”, o caminhão mais potente do mundo – motor de 700 cavalos e peso bruto total de 20,1 toneladas.

Scania – A Scania está lançando as sua novas cabines das série CP, CG e CR.

Fiat – O Fiat Ducato Multijet Economy e a nova versão Working da picape Strada estão sendo expostos pela primeira vez na FENATRAN 2009.

Agrale – O Agrale 8500 traz motor eletrônico, caminhão da linha leve.

Randon – A Randon trouxe o caminhão RK 430 M com capacidade para 30 toneladas, equipado com motor eletrônico de 331 cavalos, além dos pneus Strada R e a linha leve representada pela carroceria basculante.

Ford – Destaque para a Transit Chassi-Cabine, nova versão da família de vans comercializadas no Brasil.

MAN – A empresa já fez vendas das 100 primeiras unidades dos modelos extrapesados TGS e TGX.

Mercedes-Benz – A empresa apresenta o modelo de Van Sprinter 19+1 com capacidade para 20 pessoas, a maior do mercado.