Arquivo de julho, 2013

Dia dedicado a ficha técnica de carros

Publicado: 28 de julho de 2013 em Sem categoria

Imagem

O domingo geralmente é dia dedicado ao lazer, certo? Errado. Para quem é jornalista, não há feriados, fins de semana nem, tampouco, dias santos, dedicados a liturgia, as orações. Longe dos dogmas defendidos pelo Papa Francisco nestes dias de Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro, deparei-me com um catatal de fichas técnicas, informações sobre torque e potência, equipamentos de série e versões com ou sem opcionais de mais de 100 veículos vendidos no mercado nacional.

 

A lição de casa ou, digamos, a lição automotiva serve de base para um trabalho aprofundado e narrativo sobre dezenas de modelos, nacionais e importados, de marcas variadas que faço aqui em Salvador. 

 

No frigir dos ovos, escrever textos de carros já faz parte da minha rotina diária ao longo dos últimos 11 anos – período em que estou na labuta da cobertura da indústria automotiva. Porém, o exercício desta vez está longe de analisar o pacote de equipamentos de série e as variantes entre uma versão e outra de um mesmo modelo para realizar posteriormente uma avaliação criteriosa e comparativa entre veículos da mesma categoria. 

 

Neste caso, o olhar é sem crítica e, por isso, mais rigoroso, já que o foco é avaliar as qualidades e mostrar alguns detalhes e nuances que podem facilitar a vida do leitor/consumidor de carro no momento da escolha/compra de um modelo entre os vários veículos do mesmo segmento. Desta vez, o trabalho é dos mais duros, bem mais narrativo e menos crítico sobre os veículos dispostos na minha lista de 118 modelos dos segmentos dos hatchs, sedãs, minivans, utilitários esportivos, crossovers, picapes leves e médias, além de caminhões com configurações diferentes e para fins de transporte de carga.

 

Na prática, estou aproveitando ao máximo este exercício. Pelo menos, uma vez ao dia paro, faço pesquisas nos sites oficiais das montadoras de veículos e analiso as fichas técnicas, especialmente as que constam as informações sobre as versões e as listagens de equipamentos de série e os opcionais incluídos em cada uma das configurações do mesmo modelo. 

 

E mais: tenho que excluir toda a minha carga crítica dos textos para oferecer apenas as informações mais relevantes sobre cada um dos mais de 100 modelos de categorias variadas. Todos devem ser entregues em um mês – acho que irei estourar o prazo em 15 dias a mais. 

 

Range Rover Sport testado em um Boeing

Publicado: 18 de julho de 2013 em Sem categoria
Tags:, , ,
Imagem

Imagine-se testando um veículo 4×4 dentro de um avião. No lançamento mundial do novo Range Rover Sport, a Land Rover ofereceu esta oportunidade aos jornalistas presentes no evento mais inusitado já feito pela indústria automotiva.

 
Depois de rodar quase 700 km em dois dias entre a Inglaterra e o País de Gales, o combio de Range Rover Sport chegou ao aeroporto de Kemble Cotswold. No primeiro momento, fiquei achando que era uma missão de um filme de espionagem, similar as aventuras do agente secreto 007, o James Bond. 
 
A manhã nas dependências do aeroporto seria para uma experiência única. Todos iriam participar de testes de avaliação da nova suspensão pneumática e da parafernália eletrônica do Range Rover Sport.De maniera inusitada, o lançamento se transformou em uma aventura para os jornalistas. Fiquei ansioso e extremamente entusiasmado: a missão era a de andar com o carro dentro de um Boieng 747 estacionado na pista do aeroporto. 
 
 
Dentro do avião
 
A inglesa Land Rover desvendou as linhas harmoniosas da versão mais esportiva do Range Rover, modelo que ficou bem parecido com o irmão menor Evoque – chamado até de baby Range – e que chega com motores V6 e V8 até o fim de 2013 ao Brasil. 
 
Veja em primeirão mão o vídeo com o jipão de luxo dentro do avião. O modelo terá a opção de três motores – dois 3.0 V6, um SDV6 (292 cv) e outro a gasolina (340 cv), e V8 Supercharged  gasolina (510 cv). 
 
 
A pista foi montada precisamente e usando toda a extensão interna do avião. Para entrar na aeronave, o finger foi substituído por uma rampa com grau de elevação bem alto, com o intuito de mostrar a capacidade do veículo. A entrada foi feita pela parte lateral da traseira do Boeing. O carro tinha que passar pelo interior do avião, desviando de dois Defender estacionados, para depois subir e descer rampas com manobras rápidas para chegar à saída do compartimento de carga localizada embaixo do bico da aeronave. Em seguida, cruzava-se o avião pelas entradas laterais de carga. 
 
Tudo isso para testar o controle de distribuição de frenagem, freios ABS, EBD e o conjunto de sistemas formado pelas letrinhas da eletrônica embarcada, além da nova suspensão adaptativa e pneumática – que proporciona até 115 mm de movimento regular desde o ponto mais baixo da altura de acesso (agora 50 mm, 10 mm inferior para tornar mais fácil o acesso ao veículo) até a altura convencional em situação fora de estrada. 
 
O novo Range Rover Sport chega até o fim de 2013 ao mercado brasileiro. No test drive, andamos inicialmente no modelo mais equipado com motorzão 5.0 V8, de 510 cavalos, e seletor de oito velocidades que funciona como a alavanca da transmissão automática ZF com modo esportivo e trocas que podem ser feitas por meio de borboletas atrás do volante. 
 
A bordo, o novo Range Rover Sport transpira luxo e deixa o motorista bem à vontade, com a sensação de que o carro vai fazer tudo por ele. E olhe que faz, viu! É necessário apenas segurar ao volante e, caso queira, escolher suas inúmeras funções dos componentes de tecnologia embarcada do veículo. O novo Range Rover Sport surpreende pelo espaço, bom acabamento e visual esportivo, longe das linhas quadradas do “caixotão”. Assim como o V8, o Range Rover Sport V6 tem uma boa disposição. São semelhantes em conteúdo e acabamento e foram testados com rodas de 21 polegadas – há ainda a opção de aro de 19 a 22. 
 
Sem preço oficial, o novo Range Rover Sport deve ser posicionado acima dos 
R$ 330 mil e R$ 450 mil, valores das versões atuais.