Caminhão é quase um carro de passeio

Publicado: 14 de agosto de 2013 em Sem categoria

Imagem

O mês de agosto está sendo dedicado ao segmento do transporte. Comecei com o lançamento do grandalhão Streamline, da Scania. Na semana passada, fui ao Deserto do Atacama, Chile, para conhecer o inédito Cargo extrapesado, modelo da Ford que já chega ao mercado brasileiro neste mês de agosto nas configurações de cavalo-mecânico 2042 4×2 e 2842 6×2 para fins rodoviários e uso severo em aplicações de graneleiro, baú de carga e transporte de produtos químicos, por exemplo.

No domingo, 18/8, pego avião em direção mais uma vez ao Chile. Desta vez, a capital Santiago, terra do poeta Pablo Neruda, será o palco da apresentação do também grandalhão Hi-Way, da Iveco, marca controlada pelo Grupo Fiat.

É bem verdade que tenho acumulado experiências das mais inusitadas no mundo dos carros de passeio. Já perdi a conta das dezenas, milhares de carros testados e avaliados em lançamentos no Brasil e pelo mundo afora. Mas, é para lá de interessante “mergulhar” mais a fundo no mundo dos caminhões.

Hoje, já percebo que há semelhanças entre o mundo dos carros de passeio e a vida a bordo de caminhões, como o Streamline, Cargo e Hi-Way. O grandalhão Streamline está totalmente renovado nas consagradas cabines G, R e R Highline, com motores potentes (360 cv, 400 cv, 440 cv, 480 cv, 560 cv e 620 cv) e trações 4×2, 6×2 e 6×4. Além disso, o caminhoneiro tem à disposição sistemas modernos e componentes de comodidade, como transmissão automatizada Opticruise, computador de bordo, rádio com GPS, bluetooth, piloto automático, entre outros itens.

A labuta de quem pega a estrada no volante da boleia de um caminhão é dura e extensa, muitas vezes com jornada de mais de oito horas ao dia. Assim, é bom perceber que os fabricantes de caminhões prezam também pelo conforto do caminhoneiro.

O Cargo extrapesado, por outro lado, é um caminhão, digamos, de entrada, sem tanto conforto e itens tecnológicos. A Ford quer abocanhar sua fatia no segmento mais rentável do transporte e oferece um caminhão com mecânica confiável e preço justo. Sua versão 2042 4×2 sai por R$ 260.900. Já o cavalo-mecânico Streamline G 4×2, com motor de 13 litros e 360 cavalos, custa R$ 360 mil. Agora, é aguardar o posicionamento do Iveco Hi-Way.
  
É bom lembrar que todas as novidades do segmento do transporte estarão nos estandes da Fenatran – Feira Internacional do Transporte -, que ocorre entre os dias 28 de outubro e 1º de novembro, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s