Arquivo de agosto, 2009

Fenatran será em outubro

Publicado: 31 de agosto de 2009 em Automobilismo, Serviços
Tags:

Fenatran_2005_MKT_00

O 17º Salão Internacional de Transporte (Fenatran) vai ser realizado entre os dias 26 e 30 de outubro, no Parque de exposições do Anhembi, em São Paulo. A feira vai reunir mais de 350 expositores, de 15 países.

Promovido pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), o evento é o palco de lançamentos de caminhões e veículos. Participam fabricantes de implementos e equipamentos, transportadoras de carga, autopeças, motores, pneus, entre outros.

É bem verdade que o setor de caminhões e ônibus sofreu com a crise e a, consequente, retração nas vendas. No primeiro semestre deste ano, as quedas de 19,1% e 24% nas vendas dos segmentos de caminhões e ônibus acendeu a luz vermelha. Mesmo assim as montadoras conseguiram lançar uma série de modelos para oferecer ao consumidor no Brasil.

Para quem não sabe há cinco setores segmentados: semileves, leves, médios, semipesados e pesados. O segmento dos veículos pesados registrou vendas de 13.811 unidades, o que foi 29,8% menor em relação ao primeiro semestre de 2008.

Anúncios

Recall, uma obrigação

Publicado: 29 de agosto de 2009 em Automotivo, Carros, Opinião

O recall – o chamamento para a troca de uma peça com defeito de fabricação – já é uma prática da indústria em todo o mundo. As montadoras de veículos, no entanto, têm feito recall mais que deveriam. Na semana passada, por exemplo, o compacto Gol, carro mais vendido há mais de 20 anos no Brasil, foi um dos modelos chamados para recall pela Volkswagen.

A fabricante alemã convocou proprietários de mais de 260 mil veículos da linha Gol/Voyage e Fox. E aí fica a pergunta: o que está acontecendo com o controle de qualidade da indústria automotiva nacional?

De janeiro até o início de agosto de 2009, já foram pelo menos 19 recalls, com cerca de 500 mil unidades de carros de passeio com algum tipo de problema. Como geralmente é um defeito de fabricação em um componente de segurança, acho esse número para lá de expressivo.

Não resta dúvida de que o procedimento do recall é de extrema importância. No caso dos veículos VW, há riscos da ruptura do coletor de admissão e, eventualmente, o surgimento de chamas no componente do motor. O problema pode ocorrer em condições de baixa temperatura ambiente e durante as primeiras tentativas de colocar o motor em funcionamento.

Conforme prevê o artigo 10 do Código de Defesa do Consumidor (Lei 8078/90), o recall é uma obrigação de todo fabricante de produtos. Na prática, todo consumidor tem o direito à informação. É bom que fique claro que todo cidadão tem de ter uma informação adequada e clara, com especificação correta de quantidade, características, composição, qualidade e preço. Além de tudo, deve saber sobre os riscos.

No caso de um veículo, a falha no funcionamento de um componente no sistema de freios, por exemplo, pode ocasionar sérios riscos de acidente. No início do ano passado, a mesma Volkswagen teve de reconhecer a falha no sistema de rebatimento do banco traseiro da linha Fox/Cros Fox/SpaceFox.

Na época, houve uma demora para reconhecer a falha no funcionamento da peça do rebatimento do banco traseiro. No final das contas, a fabricante incorporou um anel de borracha para acabar de vez com a possibilidade de acidente, como ocorreu com oito donos de veículos que, infelizmente, tiveram parcialmente o dedo de uma das mãos mutilados no manuseio do sistema de rebatimento do banco. Por isso, o recall é mais que uma obrigação.

P9010327

A Volkswagen já foi líder no segmento de picapes leves no Brasil. Com a chegada da Fiat Strada, a Saveiro foi perdendo terreno e, nos últimos anos, vem comendo a poeira dos modelos concorrentes, inclusive da Chevrolet Montana.

Sem antes oferecer cabine estendida e apetrechos mais esportivos, a picape da Volkswagen incorporou o melhor dos modelos concorrentes, recebendo um tratamento visual caprichado na sua quinta geração. A picape leve chega nas versões Saveiro 1.6 e Saveiro 1.6 Trooper, com cabine simples ou cabine estendida.

A versão de entrada incorporou o visual frontal dos irmãos Gol/Voyage e traz, agora, acabamento mais robusto. Sai a partir de R$ 30.990 e pode incluir, ainda, o móduilo Trend (rodas de aço aro14, porta-objetos nas portas, detalhes internos cromados, bancos com cobertura lateral, para-choque na cor do veículo, santo antônio, grade de proteção no vidro traseiro, faróis duplo e chave canivete).

A grande novidade da nova Saveiro é a versão cabine estendida, que tem preço sugerido de R$ 33.690. A configuração Trooper 1.6 cabine simples custa R$ 36.440, e a versão cabine estendida saí por R$ 38.990.

P9010329

P9010331

P9010332

P9010328

P9010330
As principais vantagens da Nova Saveiro:
– Menor balanço dianteiro (-26mm): melhor proporção do veículo, melhor distribuição de carga
– Maior altura da abertura de porta (+32mm): melhor acessibilidade
– Maior altura (+58mm): melhor proporção do veículo
– Maior espaço de altura de cabeça (+8mm): mais conforto para motorista e passageiro
– Posição mais alta do ocupante (+ 28,8mm): melhor percepção do ambiente externo, melhor dirigibilidade e maior conforto no acesso ao interior do veículo
– Maior entre-eixos (+ 152mm): melhor distribuição de carga, mais estabilidade e melhor desempenho
– Versão cabine estendida: mais conforto, maior espaço interno, possibilidade de acomodação de carga na cabine
– Menor balanço traseiro (-84mm): melhor distribuição de carga, melhor proporção do veículo e maior estabilidade
– Maior ângulo de rampa traseiro (+2,8º): mais mobilidade, melhor condição de rodagem
– Maior bitola dianteira e traseira (+47mm e +108mm): maior estabilidade, maior distância entre as caixas de rodas na caçamba (maior volume de carga)
– Maior comprimento e altura de caçamba (+18mm e + 57mm): maior volume e melhor acomodação da carga
– Maior espaço de cotovelo (+10mm): maior conforto para motorista e passageiro.